Porque eu sou um mulherão da porra mesmo na merda, querido!




Acho que vou dizer coisas óbvias,
mas não custa nada repetir, até mesmo para exorcizar você de dentro de mim,
colocando um ponto final naquilo que eu nunca disse.

Você é egoísta e só pensa em você e seus amigos,
se não fosse eu tentando me enterar com a galera,
estaria em casa todas as vezes que vocês saiam juntos - e não eram poucas, você sabe.

Para ser justa, não deixarei de mencionar que você é incrível,
que eu até senti borboletas no estômago no primeiro beijo,
mas nos perdemos em algum momento ou, melhor,
você deu um perdido em mim e ficou tudo assim, por assim dizer.

Você não consegue não se importar e sair por aí perguntando sorbre mim para nossos amigos em comum,
mas não se preocupe, querido
quando eu me levantar, o tombo vai ser seu, meu ex-amor.

Não quero receber suas mensagens em nenhuma rede social, entendeu?
Quero você o mais longe possível enquanto eu lambo as minhas feridas,
todas causadas pelo seu egocentrismo.

O que eu queria?
Suas sinceras desculpas,
dizendo que pisou na bola e que perdeu uma ótima oportunidade,
porque eu sou um mulherão da porra mesmo na merda.
Sou muito mais mulher do que você, macho de ego ferido.

Vou encerrar por aqui, mas preciso dizer os motivos que ficamos juntos:
você é carinhoso,
sempre traz a bud,
nas minhas insônias na madrugada, você sempre me espera dormir,
o sexo é fantástico e, principalmente,
você sempre me quis bem.

O problema é que você é incrível demais só,
você não sabe ser incrível juntos, muito menos shallow now.

Postar um comentário

Instagram

Made with by OddThemes | Distributed by Gooyaabi Templates